Artigos e afins

Judô Mental, Shiatsu Emocional

Resultado de imagem para judo mentalAnos após lançar o primeiro curso de Shiatsu Emocional, esbarrei com esse pequeno livro em um sebo.

Que surpresa interessante, um livro sobre relacionamento interpessoal, escrito por um vendedor de carros bem sucedido… E extremamente ético (embora a chamada da capa sugira uma persuasão mais-que-agressiva: “imponha suas próprias ideias”).

O pensamento de Lager e da Dra. Kraft é simples. Eles acreditam que e você tiver escuta e souber se expressar, o caminho bom para ambas as pessoas em contato se revelará. O que tem de judô aqui?

Judô é o “Caminho Doce” (ou suave), e trata da ideia de desenvolver seu espírito através de uma arte marcial que neutraliza o adversário da forma mais terna e eficiente possível. Pode-se neutralizar obstáculos sem necessariamente destrui-los. É preciso serenidade interna, e capacidade de transformar o obstáculo em aliado paara a vitória.

O judô mental é um bom nome. Fala do conflito que as divergências entre as pessoas propõem, de domínio interno necessário para encontrar o jeito dos “golpes” encaixarem de forma eficiente e suave, e assim resolver o conflito que surge no contato mental/relacional entre duas pessoas.

Shiatsu EmocionalDa mesma maneira, o primeiro livro que fala terapia do Shiatsu Emocional – o método que estudamos aqui na Shiem trata de utilizar o Shiatsu e suas práticas corporais com o claro objetivo de se compreender como funciona e como é possível harmonizar as emoções humanas, e o corpo através disto. Acredito que o leitor de Judô Mental se beneficiará do Shiatsu Emocional – livro, terapia, cursos. E os praticantes Shiem, que já estão na trilha do Shiatsu Emocional, igualmente se beneficiarão com a leitura do Judô Mental. Recomendo.

Arnaldo V. Carvalho, autor do Shiatsu Emocional e dirigente da Shiem

Anúncios