Contribuições do Shiatsu Emocional para as terapias

As pesquisas transversais utilizando teorias e técnicas de diversas linhas de psicoterapia, sociologia, antropologia, e da biologia e comportamento humano (especialmente etologia, anatomia, fisiologia e embriologia) com os fundamentos do Shiatsu e das terapias Orientais vêm sendo produzidas desde 1996. Inicialmente por Arnaldo V. Carvalho, e atualmente também por outros praticantes avançados da SHIEM, o Shiatsu Emocional hoje contribui para esses mesmos campos, oferecendo o fruto de seus estudos e experiências. Segue uma pequena amostragem de trabalhos originais e de grande seriedade e aplicabilidade, desenvolvidas por nossa escola.

 

Contribuições do Shiatsu Emocional para com as terapias de abordagem holística – Novos métodos desenvolvidos a partir da técnica:

– Relações de couraças com meridianos.
– Noções reichianas de interrelação terapeuta-cliente.
– Respirações específicas para a harmonização de cada meridiano.
– Adaptações à possíveis necessidades especiais dos praticantes.
– Estudo de tratamentos próprios para diversos tipos de problema emocional ou segundo os padrões de couraça.
– Exercícios de harmonização das relações meridiano/couraça

* Parte importante de tais estudos encontra-se publicado no livro Shiatsu Emocional, de autoria de Arnaldo V. Carvalho

Outras informações sobre o corpo teórico prático do Shiatsu Emocional, clique aqui.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Escola de Shiatsu SHIEM é o blog sobre Shiatsu Emocional , técnica pioneira que associa Shiatsu e Psicoterapia

%d bloggers like this: